Com a convenção deste domingo PT começa a escolher seu candidato a prefeito de Guarulhos

0
56

Filiados e militantes do PT vão às urnas hoje para escolher seus diretórios. Em Guarulhos são cinco chapas concorrendo com o envolvimento de cerca de 25 mil eleitores. Um contingente de respeito amealhado nos 16 anos que a sigla deteve o poder no Município. A maior parte do tempo, se não durante todo esse tempo, sob a liderança incontestável do ex-vereador, ex-prefeito e ex-deputado Elói Pietá.

Aos 74 anos, Pietá, embora sem mandato, assegura sem dúvida boa parte desta liderança e confia nela para voltar a exercer o poder no Município como seu prefeito. Se depender de sua vontade, é, mais uma vez, candidato. Força de vontade aliada a um entusiasmo incomum, para quem já viveu grandes emoções na política, não lhe falta. Tem muita gente com ele, a começar por um dos dois candidatos à presidência da sigla, o ex-vereador Samuel Vasconcelos. Samuel acredita na experiencia e na capacidade administrativa do ex-prefeito. E arrisca dizer que o grande adversário no pleito do ano que vem será o prefeito Guti.

“Ele será nosso adversário, sem dúvida”, afirma.

A chance de Pietá pode se reduzir caso a vereadora Genilda seja reconduzida ao cargo de presidente do diretório. Ela é candidata do deputado Alencar que espera, por sua vez, ter a indicação do partido para disputar a Prefeitura. Genilda se identifica de corpo e alma com a presidente nacional da sigla, a ex-senadora e agora deputada Gleisi Hoffmann. Gleise deve ser reconduzida ao cargo neste domingo já quem tem o apoio irrestrito do ex-presidente Lula. E a vontade de Lula é lei.

Em São Paulo, a escolha dos componentes do novo diretório do partido poderá desaguar também na escolha do candidato a disputar a prefeitura. Como aqui, lá também há uma certa pressa nesta definição. O partido considera que quanto mais cedo colocar os nomes nas ruas, maiores serão as chances.

Acho que Fernando Haddad, ex-ministro, ex-prefeito de São Paulo, e ex-candidato à presidente, é o que reúne as maiores chances. O nome de Haddad circulou pelo país. Isso ajuda. Só não entendi a inclusão de sua mulher, Ana Estela, como pré-candidata também. Os nomes do ex-senador, agora vereador Eduardo Suplicy e Jilmar Tatto, ex-deputado e ex-secretário de transportes na administração Haddad, estão também no páreo. Alí, por mais que discutam, a posição do ex-presidente será determinante.

Instaladas nas escolas municipais, aqui em Guarulhos, as urnas esperam os votos dos convencionais petistas. O domingo é, portanto, um dia de festa para o partido.

Viva a democracia!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.