Escolher um bom candidato em Guarulhos pode ser uma tarefa difícil.

0
27

Começou 2020. Ano importante para Guarulhos e mais 5.570 municípios espalhados pelo Brasil. Ano de eleições. Vamos votar em candidatos a prefeito e vereadores. Serão milhares. Esse pessoal todo vai gastar dinheiro nosso nas campanhas. Dois bilhões para o fundo eleitoral e mais um bilhão tirado do fundo partidário.

Ao todo, três bilhões de reais.

A maior parte será destinada aos candidatos do PT, o partido com o maior número de parlamentares no Congresso. Seria seguido pelo PSL, mas, agora, não sei se essa história vai valer. O partido que elegeu o presidente Jair Bolsonaro rachou e encolheu.

Mas a grana toda, de qualquer jeito, sai do nosso bolso.

Por isso, toda vez que você, caro eleitor e cara eleitora, enxergar o candidato se manifestando em sua rua com seus cabos eleitorais distribuindo impressos e queimando gasolina, tenha consciência de que é dinheiro seu que está rolando.

Seja exigente com eles.

A eleição aqui em Guarulhos tem suas particularidades. A começar pelo número de candidatos. É muita gente querendo ser vereador. Prefeito também. Neste caso, arrisco que serão mais de dez. Candidatos à Câmara serão, seguramente, mais de mil.

Repito aqui: será uma campanha difícil como já aconteceu no passado. Principalmente no passado recente.

Houve época, coisa de quarenta ou mais anos, a comunicação do eleitor com o candidato era mais fácil. O rádio ajudava. Tempo da Difusora Hora Certa. O veículo falava da cidade e de seus candidatos no estúdio na rua D. Pedro. Promovia debates. Algo que a TV Câmara, mantida por nós, poderia fazer agora. Mas seria pedir muito…

A proximidade com a capital faz da cidade um ajuntamento com características muito especiais. Sem ofender, tem gente até que imagina sermos um bairro, um grande bairro da capital. Que fazer?

É em tempo de eleição que surge o momento de afirmar que somos um grande Município. Uma cidade com mais de um milhão de moradores, tranquilamente comportando o segundo colégio eleitoral do Estado, um dos maiores do país.

Só que, durante a campanha, ao ligar o rádio ou a tv no programa eleitoral, o cidadão só será confrontado com candidatos de fora. E não vale votar neles.

Onde discutir os problemas de Guarulhos envolvendo seus candidatos? No caso de prefeito, a dificuldade diminui, mas onde encontrar alguém que nos represente bem na Câmara? Talvez nas igrejas, nas reuniões do bairro, na praça, ou mesmo nas ruas. É preciso conhecer quem merece o voto.

Por isso, acho que votar bem em Nazaré Paulista, ou Guararapes, é sempre mais fácil.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.