Major Olímpio acompanha seu partido em Guarulhos

0
49

Uma conversa nesta sexta-feira com o Major Olímpio, senador eleito pelo PSL, e particularmente interessado na política de Guarulhos, mostrou que ele continua cuidadoso quando o assunto é sucessão aqui no município. Disse que ainda é cedo para o partido, na esfera local, tomar decisões.

Sei dos laços de amizade que ligam o senador à empresária Fran Corrêa, especialmente ao marido dela, o deputado Eli Corrêa Filho. Isso fez com que corressem as notícias de um possível apoio do senador à candidatura ainda não assumida de Fran à Prefeitura. Na verdade, existiam indicações que este seria o rumo natural das coisas.

Só que, agora, existem outras opções apesar da declarada admiração que o senador tem pela empresária guarulhense.

Uma delas é a própria indicação da executiva local, que está se definindo ex-vereadora Adriana Afonso, da família Rifai, novos comandantes da legenda, como aliás informou com propriedade o site Espalha Fatos, nesta semana.

Olímpio, que, segundo declarou, vai assumir novas funções no partido em nível nacional com o previsível deslocamento do filho do presidente para a embaixada em Washington, deu mostras de que assina embaixo da decisão do pessoal do diretório aqui de Guarulhos. Ou seja, fecha com Adriana.

Resumo: Guarulhos terá duas mulheres como candidatas à Prefeitura, ano que vem. Pelo menos.

Com isso, já são quinze nomes na lista dos postulantes ao cargo. É muita gente. Até o ano que vem, vamos ver quem sobra.

Papo Reto

O Major Olímpio gravou ontem uma série de chamadas de um programa de TV que vai apresentar aos domingos, provavelmente no fim de noite, na Rede Brasil. A atração chama-se “Papo Reto”. O objetivo é levar entrevistados de peso para falar dos assuntos que mais chamam a atenção do senador, principalmente ligados à segurança.

A Rede Brasil, emissora da TV aberta, tem afiliadas em todas as capitais brasileiras, incluindo Brasília. A partir do dia quinze deste mês estará também na Net, rede de TV a cabo, em HD.

TV Câmara

Voltou a funcionar a TV Câmara na quinta-feira, cobrindo a sessão do legislativo, a primeira depois do recesso de julho. A qualidade do trabalho foi boa. Só que, para voltar ao que era antes de sair do ar, há cerca de um ano, vai demorar algum tempo. A apresentação de um jornal diário, como acontecia antes, junto com programas de entrevistas, é trabalho que exige um certo esforço e equipamento adequado. Mas sinto que o pessoal está no caminho certo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.